sábado, 19 de março de 2016

Tostões por centenas, e quem sabe milhares

Discotecas no Caís do Sodré têm de procurar alternativa. Li algures que já pediram apoio à CML.
Ora, embora frequente esses espaços, por alma de quem têm os Lisboetas de pagar a conta?
Há muito que pagam por volta dos 200 euros. Uma falácia. Cresçam e sejam verdadeiros arrendatários ou donos!

1 comentário:

  1. http://observador.pt/2016/03/18/camara-lisboa-donos-do-tokyo-europa-procuram-locais-alternativos-discotecas/

    ResponderEliminar