sábado, 15 de agosto de 2015

Peixaria da Esquina - Campo de Ourique

No número 56 da Rua Correia Teles em Campo de Ourique, onde outrora morou a Cervejaria da Esquina, está agora a Peixaria da Esquina. Mantêm-se a esquina, muda-se o conceito e chegam até nós as diferentes formas de confeção de peixes e mariscos pela mão do Grupo Vitor Sobral.


O conceito herdou alguns dos pratos ‘Clássicos’ e ‘Petiscos’ da Cervejaria da Esquina, como o casco de sapateira, as vieiras com maracujá, o prego de atum, o salame ou a tarte de caramelo; mas a novidade é uma carta que dá especial destaque aos marinados e aos peixes curados de diversas formas. No menu, é possível ‘pescar’ carapau, cavala, robalo, bacalhau, atum, espadarte, salmão, polvo, lula, choco ou enguia, esta última, a grande novidade da Peixaria. Mas se preferir marisco, também terá diversas opções entre as vieiras, lapas, amêijoa, berbigão, lingueirão, camarão ou mesmo ou as ostras provenientes da Ria Formosa. O conceito da Peixaria da Esquina não é novo. Amadureceu em Portugal na mente criativa dos seus autores e existe desde 2011, tendo sido testado pela primeira vez no Peixe em Lisboa em 2012. "Marinou" até agora, para que num único local, se faça homenagem tanto aos mariscos, como aos peixes nacionais. “Sempre existiu peixe no menu da Cervejaria da Esquina, mas nunca foi a aposta mais forte. Os marinados e as curas dos peixes e mariscos, ora entravam, ora saíam, do menu. Muitos dos nossos clientes pediam peixe. Ouvi-los foi uma forma de evoluirmos. Na Peixaria da Esquina assumimos definitivamente esse conceito e damos aos nossos clientes o melhor peixe do mundo, com a frescura e qualidade que todos procuramos. Queremos ter o peixe mais presente, coisa que não existia na carta anterior. E depois com o reconhecimento do nosso peixe internacionalmente, entendemos que este conceito da Peixaria da Esquina será mais transversal e adaptável a ser replicado noutros mercados espalhados pelo mundo”, diz o Chef Vítor Sobral.


Pela diversidade e exclusividade dos nossos produtos, a carta da Peixaria da Esquina é uma viagem à nossa costa, e ninguém ficará indiferente ao que por lá irá encontrar e degustar. Há marinados de carapau, de cavala, de robalo, de atum, de ostra e de vieira, fazendo lembrar os ceviches, mas com um twist único que mistura o exótico com a aromatização da cozinha tradicional ,que variam entre os 8,20€ e os 12,60€. Há também os peixes curados, tais como, atum, espadarte, enguia, cavala e salmão, servidos com pickles de cenoura e funcho, emulsão de amêndoa ou bolachas caseiras. Os preços variam entre os 8,20€ e os 9,60€. Além dos ‘Marinados’ e dos ‘Curados’, dos ‘Petiscos’ e dos ‘Clássicos’, na Peixaria da Esquina também há os ‘Grelhados’ ou no ‘Fogão’ que podem variar entre sopas, açordas, arroz ou cataplanas. A variedade é muita, mas está garantido que a refeição será uma verdadeira viagem pelos sabores do mar. O menu conta ainda com um espaço onde constam as sugestões do chefe, e são incluídos os frescos e as inspirações diárias. Mas não é só, também há pratos de carne, como os clássicos pregos, bifes e bitoques.


Mais uma vez Vitor Sobral com o apoio de Hugo Nascimento estão de Parabéns por este projeto que foi redesenhado por Sofia Duarte e João Mota, atuais arquitetos responsáveis pelos projetos do grupo, tanto a nível nacional, como internacional, que trouxeram o mar e a tradição da pesca para o coração de Lisboa. 

Sem comentários:

Enviar um comentário