terça-feira, 28 de abril de 2015

Sushi Fest

Os Jardins e Palácio Marquês de Pombal em Oeiras, recebem dias 2, 3 e 4 de Julho, o Sushi Fest, o primeiro festival de sushi da Europa. Este conceito inovador trás até nós alguns dos melhores chefs portugueses da área, e também alguns dos melhores nomes da música portuguesa ao vivo.


Com um programa gastronómico e musical inovador e com uma área dedicada à cultura japonesa, a organização do festival promete que este será "uma cool party, onde todos vão poder saborear um jantar com o melhor sushi e sashimi, garantindo a máxima qualidade e frescura tanto na confeção, como nos alimentos". O recinto será composto por um food court, cuja comida estará a cargo dos chefs Daniel Rente (Sushi Café), Paulo Morais e Anna Lins (Umai); pelo Espaço Japão, onde poderemos encontrar um mercado de chás, demonstrações de sabre Japonês, participar em workshops de origami e ter a oportunidade de ver uma exposição de valiosos Bonsai e outros fenómenos culturais contemporâneos; por uma área VIP onde desde que se compre esse bilhete, qualquer pessoa poderá entrar; e pelo espaço para assistir aos concertos, onde no primeiro dia vamos poder assistir aos Amor Electro, no segundo dia ao Paulo Gonzo, e no dia de encerramento à Ana Moura  

O recinto abre às 18h00 na quinta-feira dia 2 de Julho e ás 18h30 nos restantes dias, e o jantar será sempre servido entre as 20h30 e as 23h00 (meia hora mais cedo na quinta). Os bilhetes encontram-se à venda nos locais habituais desde dia 23 de Abril, e até ao final do mês de Maio, a organização preparou uma campanha promocional para aceder ao bilhete diário no valor de 45€ (bilhete normal) e de 75€ (bilhete VIP). A partir de 1 de Junho, o bilhete diário normal tem um valor de 60€, e o VIP de 90€.  O bilhete inclui buffet volante de sushi, uma cerveja Heineken e um chá, acesso livre ao Espaço Japão, entrada no concerto e after party, e no caso do bilhete VIP, acesso ao espaço VIP com um menu especial de jantar em modo freestyle, especialmente preparado pelos chefs, precedido por um welcome drink e acompanhado de Heineken ou vinho, águas ou refrigerantes, café e chá, tudo à descrição.



Com uma equipa de mais de 100 profissionais coordenada por três dos melhores chefs de sushi Portugueses, o Sushi Fest terá a capacidade para servir até cinco mil pessoas por dia. "Ao contrário de restaurante normal, o Sushi Fest é uma operação de restauração japonesa que sabe, de antemão, quantos clientes vai ter, a que horas vai coçar a servi-los, o que vai ser servido e como vai ser servido" refere Manuel Vaz, produtos do Sushi Fest. A nós só nos resta aguardar por Julho, e adquirir o nosso bilhete, antes que esgote.


Sem comentários:

Enviar um comentário