quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Provar Lisboa - Restaurante Eleven

A 11 de Novembro de 2004, já depois da euforia e frustração que nos trouxe o campeonato da Europa de futebol, 11 empresários abriram o que ainda hoje é considerado um dos melhores restaurantes do nosso pais. 



Situado bem perto do deslumbrante parque Eduardo VII, e com uma vista de cortar a respiração sobre o mesmo e sobre o Tejo, o Eleven abriu as suas portas há 10 anos na Rua Marquês de Fronteira - Jardim Amália Rodrigues, e desde então tem conquistado tudo e todos os que por lá passam, inclusive o prestigiado Guia Michelin que em Novembro de 2005, com apenas um ano depois da abertura o premiou com a primeira galardoada estrela. O edifício a nível arquitectónico assume-se como modernista e minimalista, utilizando materiais orgânicos tais como pedra, madeira e ferro. O interior é cosmopolita, elegante e sofisticado, as suas enormes janelas dão um toque de luxo discreto e confortável a um ambiente que simultaneamente é intimista e grandioso. Para assinalar esta data , foi realizado um jantar especial onde foram servidos os melhores pratos confecionados por 10 chefes que inscreveram os seus nomes na história do Eleven. 

Por um valor único de 85€ por pessoa com bebida incluída, foi possível degustar pratos como: Carpaccio de "Gamba Roja"com Azeite de Alho e Pinhões, confecionado pelo chef Pedro Grass e acompanhado por um Terra do Grifo Branco Reserva do Douro; Salmonete de Setúbal com Escamas Crocantes à la Pissaladiére, confecionado pelo chef Cyril Devilliers e acompanhado de um White by JK, Herdade da Malhadinha Nova do Alentejo; Raviolis de Mascarpone com Trufa Branca de Alba, confecionado pelo chef Joachim Koerper e acompanhado por um 12 Tinto, Quinta do Monte D'Oiro de Lisboa; entre muitos outros.

Joachim Koerper, além de chef, também é um dos sócios do espaço, trabalhou em restaurantes tão famosos como: Girasol, em Moraira, Alicante, chefiado por si durante 10 anos e detentor de duas estrelas Michelin; o L' Ambroisie em Paris, dirigido por Bernard Pacaud e detentor de três estrelas Michelin; e em muitos outros espaços todos eles premiados e distinguidos pelo exigente guia. Atualmente além de chef no Eleven, ocupa também a mesma posição em dois restaurantes no Rio de Janeiro, o Enotria e o Enoteca Uno. Habituado a ter e a saber o que é bom para a confeção de um bom prato, a sua filosofia é simples "utilizar apenas produtos frescos e naturais e trabalhá-los com arte e criatividade". No Eleven, pode orgulhar-se de apresentar muitos produtos únicos nas suas cartas sazonais, tais como a Trufa Branca de Alba, o Lavagante Azul, ou a Fava Tonca, que é um fruto indígena Brasileiro muito apreciado na gastronomia de luxo.  


A ter em conta:
- Horário: De segunda a sábado, das 12h as 23h
- Reserva: Aconselhável reservar, clientes sem reserva também são bem vindos
- Preço: Almoço, entre 25€ a 30€por pessoa; Jantar, superior a 45€ por pessoa; contudo de 12 de Novembro de 2014 a 11 de Dezembro de 2014, de segunda a quinta-feira pode degustar o menu de outono por 32€ por pessoa (exclui bebidas)
- Qualidade: Excelente
- Atendimento: De excelência e requinte
- Estacionamento: Existente.


Sem comentários:

Enviar um comentário