quinta-feira, 6 de março de 2014

Oh Nuno Markl, nem sei se assim lá vai...



Lisboa tem, verdadeiramente, toda uma colecção de problemas visíveis a olho nu e que merecem da entidade competente dirigente da cidade o mesmo que o Espaço nos oferece - o vácuo total. Total inexistência de vida.

Por isso, há que saudar iniciativas destas. O civismo não custa nada e fica sempre bem: os alfacinhas e os turistas agradecem!

Sem comentários:

Enviar um comentário