quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Rubrica: Lisboa aos olhos de José Paulo do Carmo



E hoje quem sobre ao palco e põe a música é o DJ e Empresário José Paulo do Carmo, que aceitou o nosso desafio de vir Pensar Lisboa.

Pensar Lisboa -O que mais gosta na cidade de Lisboa?
José Paulo do Carmo - Gosto dos três vértices  que mais falta me fazem agora que vivo temporariamente fora. Da sua luz única, da segurança que nos transmite e das pessoas. Sobretudo das pessoas.

Pensar Lisboa -O que menos gosta em Lisboa?
José Paulo do Carmo - Do trânsito em " hora de ponta ", da obscenidade feita nas laterais da avenida da liberdade e do aeroporto quando me despeço dela...

Pensar Lisboa -O que mudava em Lisboa?
José Paulo do Carmo - Queremos sempre mais, por isso gostava que a zona ribeirinha fosse aproveitada de forma diferente, sobretudo a zona do Jardim do Tabaco.

Pensar Lisboa -O que recomendaria a um turista em Lisboa?
José Paulo do Carmo - Começar por descer a Avenida da Liberdade, entrando pelos Restauradores onde poderiam apreciar a Praça da Restauração. Pequeno-almoço no Rossio, talvez na pastelaria Suíça aproveitando o sol da cidade. Descer do Rossio aproveitando a baixa pombalina, Rua do Ouro, Rua Augusta até à Praça do Comércio (Cais das Colunas). Apanhar de seguida o 28 até à Graça, visitar o Miradouro de Nossa Senhora do Monte e conhecer o bairro típico de Alfama passando pelo Castelo de São Jorge. Almoçar junto à Casa dos Bicos. Eléctrico até Belém, visitar o Mosteiro dos Jerónimos e o Padrão dos Descobrimentos e degustar um famoso Pastel na Fábrica dos Pasteis de Belém. Regresso até ao Cais do Sodré, subir até ao Bairro Alto aproveitando a vida nocturna dos inúmeros espaços ali presentes com jantar incluído a ouvir Fado. Acabar a beber um copo no Lux...

Pensar Lisboa -Com que cor identifica Lisboa?
José Paulo do Carmo - O dourado do seu brasão que nos remete para o valor inestimável que esta cidade tem.

Pensar Lisboa -Numa palavra, Lisboa é...?
José Paulo do Carmo - Apaixonante

Sem comentários:

Enviar um comentário