domingo, 13 de outubro de 2013

Gula de Lisboa: Restaurante da Associação Naval de Lisboa

Aproveitamos a Restaurant Week Lisboa para vos dar mais um restaurante de excelência em Lisboa.


Após alguma escolha, fomos visitar o Restaurante da Associação Naval de Lisboa, alguns comentários menos bons junto da critíca na edição passada quase deixavam esta experiência de fora, mas o menu foi decisivo para avançar:
Vieiras e Bife Wellington, algo que qualquer fã do Chef Gordon Ramsay sempre salivou por experimentar.

O Restaurante situa-se na Av. Brasília, junto ao Padrão dos Descobrimentos, logo a seguir à bomba da gasolina Galp (atenção à entrada que não está muito visível), sendo o "dono" da cozinha o Chef Jacinto Alves.


Aspecto exterior agradável, revelando alguma expectativa para o interior, onde somos presenteados com prateleiras recheadas de troféus, um exemplar de um barco à vela e uma bela pintura centenária.




Seguimos para as escadas que nos dão acesso ao repasto esperado:


A sala de refeições é bastante agradável e acolhedora com uma excelente vista sobre a doca, Rio Tejo e Padrão dos Descobrimentos.



Revelando sempre muita simpatia, foi-nos apresentado o Menu para optarmos pelas diversas entradas, pratos principais e sobremesa. 

Os eleitos foram as Vieiras para entrada (faltou a foto); Bife Wellington e Lombo de Robalo com emulsão de coentros e legumes grelhados, para finalizar um Crumble de maçã com bola de gelado e Pudim "No ponto".


 

Veredicto:
Vieiras bastante agradáveis com a massa, no entanto, o molho provençal cortava um pouco o sabor às vieiras, pelo que um pouco menos intenso não ficava mal.
Bife Wellington, divinal! Apesar de não ser acérrimo adepto de carne mal passada, estava bem no ponto e todo o acompanhamento (molhos e batatas) sem nada a apontar.
Lombo de Robalo, apesar do prato "original" ser com a Garoupa, o rei deste prato não é o peixe mas sim o molho que demonstrou pelo "soube a pouco" de quem comeu.;
Crumble de Maçã, bastante agradável, no entanto, temos a apontar o vinho com que as maçãs são "regadas" criando alguma resistencia aos não apreciadores.
Pudim "No ponto", apesar da referencia ser ao restaurante No Ponto, acho que também se adequa ao doce que se encontrava exactamente no ponto! Também soube a pouco!


Durante o Jantar foi possível observar a simpatia e a preocupação com os tempos de serviço, de forma a limpar a imagem deixada na RW Maio 2013. Muita simpatia, mas não exagerada, tempos entre pratos adequados (entramos às 20:30 e as 21:30 já serviam as sobremesas) e sem qualquer pressa para esvaziar a mesa.
No final do Jantar fomos interpelados pelo chefe de sala que demonstrou interesse sobre se a refeição estava do nosso agrado e a preocupação em "limpar" a imagem deixada no RW anterior. 
Ficamos ainda a perceber que o Lombo de Garoupa de coentrada de legumes era o Rei da Carta, infelizmente o Bife Wellington não fazia parte da Carta (espero que incluam) e o restaurante estava apostado nesta RW em agradar a todos os Clientes, conforme foi possível constatar.
Preço médio 30€

Restaurante a voltar!
7.5/10

Sem comentários:

Enviar um comentário