terça-feira, 18 de junho de 2013

Mais uma obra eleitoral...

Petição apela para Câmara de Lisboa não destruir projeto de permacultura 

"Cerca de mil pessoas assinaram a petição online "pela preservação da Horta do Monte projeto comunitário", tentando travar a sua destruição iminente com o arranque das obras da autarquia para a criação do novo Jardim da Cerca da Graça.

O Expresso confirmou junto do gabinete de Eduardo Sá Fernandes, vereador do Ambiente Urbano, Espaços Verdes e Espaço Público da Câmara de Lisboa, que a intervenção irá ser iniciada "mesmo muito em breve".
O objetivo da autarquia é que o projeto de criação do maior parque urbano do centro histórico da capital - que contará com uma alameda, miradouros, parque de merendas, pomar, parque infantil, esplanada e parque hortícola numa área adjacente - esteja concluído em setembro, mês das eleições autárquicas.
Apesar da autarquia ter aceite o Projeto Comunitário Horta do Monte no seu programa Bip/Zip - Lisboa de 2013 , de parcerias locais para apoio às comunidades, apenas permitiria o seu regresso ao local, após a intervenção, para a exploração de um dos talhões do futuro parque hortícola."

Ou seja, durante anos a Câmara deixou que fosse a população a desenvolver actividades e dar vida ao local. Agora interessa é ganhar eleições, vamos destruir todo o capital humano que já foi investido e
fazer um MEGA parque urbano impessoal e industrial.
Será o local do próximo mega piquenique do Continente?


1 comentário:

  1. Este artigo revela que o autor não conhece nem aGraca nem a opinião dos moradores, que por acaso até são na sua maioria eleitores do PSD. Faz sentido? Ou nem sequer falam com a JF?

    ResponderEliminar