segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

Kaput!


A tão esperada "nova lei das rendas" parece estar finalmente a caminho. Independentemente de ser ou não uma boa medida (não é isso que me trás aqui hoje), o que é certo é que "ela" está ai. Ora bem, é precisamente por "ela" estar aí que as autarquias precisam de dar uma resposta ás consequências da aplicação desta mesma lei. Imaginemos o seguinte cenário: A nova lei das rendas é aplicada e corre na perfeição, dando origem a uma excelente harmonização entre senhorios e inquilinos. Excelente! A cidade de Lisboa passa a ter mais pessoas e vida..ganha cor, ganha uma nova energia (nos últimos anos inexistente) ganha tudo aquilo que tem perdido nos últimos anos. Lisboa passa a ser uma cidade europeia e mundial. Uma capital digna dessa palavra. Mas há um problema. Pois é. Há mesmo. Vêm as pessoas e vêm também os carros. Solução, qual é?! Nenhuma! Não existe. Pergunto pois a quem de direito como resolver este problema, que recorde-se já existe, e é grave. Estacionamentos novos vão ser feitos? Onde? Como? A câmara está a resolver o problema? Sim? Não? Estará sequer a pensar o problema? Não tem dinheiro para resolver o problema? Ou não tem ideias? Meus caros, as ideias destes senhores que nos governam na tão mui nobre cidade de Lisboa estão esgotadas. Kaput de ideias! Ai, como é bom ter uma cidade capital de um país à deriva...que a sorte nos proteja..São vicente de fora voltai e iluminai os senhores que de mui nobres tem tudo, mas que de ideias não tem nada..

Sem comentários:

Enviar um comentário