sábado, 8 de outubro de 2011

Concurso para Hortas Urbanas


As hortas urbanas são pequenos lotes de terreno alugados para a cultura de legumes, frutos ou flores, em áreas urbanas ou periurbanas. Muitas vezes, as hortas urbanas assumem um caráter precário, representando um processo espontâneo de parcelamento e aproveitamento agrícola de terrenos baldios próximos de urbanizações.

Em Lisboa, as hortas urbanas constituem uma realidade cujo início a nossa memória não alcança.

Apesar do folclore que as campanhas eleitorais de António Costa e Sá Fernandes montaram à volta deste tema, só agora a Câmara Municipal decidiu lançar mãos à obra e tomou a iniciativa louvável de abrir um concurso para hortas urbanas.

Assim, desde a passada quinta-feira estão abertas as candidaturas para atribuição de cerca de 40 hortas na Quinta da Granja, em Benfica, e nos Jardins de Campolide, com preços entre os 55 e os 100 euros anuais.

As candidaturas devem ser feitas até dia 20, através da entrega em papel de ficha de candidatura, fotocópia do Bilhete de Identidade e Cartão de Contribuinte ou Cartão de Cidadão e de documento comprovativo da residência junto dos serviços da Câmara Municipal.

Trata-se de uma iniciativa da Câmara Municipal que bem podia ser implementada noutras zonas do município com terrenos vagos e aptidão agrícola, como o Vale de Chelas, Telheiras, Carnide ou o Vale de Alcântara.

Sem comentários:

Publicar um comentário